Candeias

Candeias é um lugarejo distante, depois do distrito de Itacolomi, de povoado remoto e com mais de cem anos de ocupação. Seu primeiro morador foi Hilário Candeia. Foi o refúgio privilegiado da família de sobrenome Candeia, a partir da instalação e desenvolvimento das atividades agropecuárias nas roças da região.

A capelinha do Rosário ocupa a parte mais alta da encosta e foi construída pelo senhor José do Patrocínio Candeia, padrinho de dona Eva Fortunata Candeia, moradora do local, que se tornou zeladora e guardiã do templo. A única rua inicia-se em frente à capela, sendo a festa de Nossa Senhora do Rosário comemorada com cortejo, rei e rainha, e é concorrida por todos os habitantes da região.

Todo o conjunto conta com um pouco mais de 20 edificações, quase todas antigas, porém muitas delas reformadas, com alteração do contexto original em estrutura de madeira e paredes de pau-a-pique.

Na vegetação predomina a espécie candeia, que deu nome ao lugar. O povoado tem uma visão privilegiada, com grandes perspectivas visuais para montanhas da Cordilheira do Espinhaço, mais precisamente na região da Serra do Intendente, hoje Parque Estadual.

Curtiu? Compartilhe!